TRAGÉDIA 2

MOTORISTA DO MONZA QUE ATROPELOU E MATOU O CABO PM CARDOSO, ESTAVA ALCOOLIZADO E FOI PRESO EM FLAGRANTE POR HOMICÍDIO CULPOSO ( quando não há intenção de matar)

O Policial Militar Antonio Cardoso Neto, lotado na 4ª Cia de Polícia Militar de Birigui, encontrava-se em deslocamento de retorno à sua residência onde vivia com a esposa e um casal de filhos pouco depois das 23h da noite desta terça-feira (08/10).

Quando transitava pela Rodovia 461, KM 08 + 200 em sua motocicleta Yamaha/XTZ 250 no sentido Birigui/Bilac o veículo Monza Placas BHA 5790 que transitava no mesmo sentido veio a colidir na traseira da moto, provocando a queda do condutor.

O Policial chegou a ser socorrido por uma Unidade de Resgate do Corpo de Bombeiros ao Pronto Socorro de Birigui, onde apesar de todos os esforços das equipes, a vítima não suportou a gravidade dos ferimentos vindo a óbito.

O local do acidente foi preservado para perícia, tendo comparecido ao local as equipes dos Tenentes Gercimar e Gabriel. Ainda pelo local do acidente o condutor do veículo GM/MONZA realizou o teste etilométrico com resultado 0,74 mg/l.

Segundo reza a Lei, o limite tolerado para que não se caracterize infração de trânsito é de 0,04 miligramas de álcool por litro de ar alveolar. A partir de 0,05 miligramas, o indivíduo é enquadrado em infração gravíssima, com as punições previstas em Lei.

Ato contínuo, após tomar conhecimento dos fatos, mais resultado do teste etilométrico o condutor do Monza foi preso em flagrante e conduzido ao Plantão Permanente da Policia Civil de Birigui, onde foi ratificada a voz de prisão em flagrante não cabendo fiança. Ele permaneceu à disposição da Justiça para apresentação na manha de hoje em audiência de custódia!

Por Marilene Gonçalves

Imagens redes sociais

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Show Buttons
Hide Buttons