reação

comerciante não suporta ousadia de ladrão e reage a furto contendo autor

O fato foi registrado no início da noite da última quinta-feira (06/06), em um comércio da Vila Bandeirantes. O local já foi alvo de oportunistas e inconformado com a ousadia dos desocupados, o comércio foi obrigado a instalar câmeras de vigilância.

O fato ocorreu pouco mais de 30 dias após o mesmo comércio ter sido alvo de assalto a mão armada. Onde o criminoso com longa ficha criminal, hoje preso e aguardando julgamento por vários crimes como assalto, tentativa de homicídio, fuga, desobediência dentre outros.

Através das câmeras de segurança, a equipe percebeu a atitude suspeita de um falso cliente. Como ele demonstrava certo estresse e reações suspeitas, típicas de quem está prestes a praticar um furto, as câmeras passaram a ser acompanhadas.

Assim que conseguiu colocar objeto dentro da calça ele tentou sair do comércio. A ousadia e falta de respeito ao tomar de furto objeto que foi pago e é produto da luta diária de quem trabalha e paga muito caro para manter as portas abertas, numa ação de revolta, (NÃO SE DEVE REAGIR A FURTO E NEM ASSALTO, POR QUESTÕES DE SEGURANÇA), o ladrão foi perseguido e contido.

De imediato foi acionado a Polícia Militar que encaminhou o larápio ao Plantão Permanente da Delegacia de Polícia Civil junto com mas testemunhas para registro da ocorrência.

Por Marilene Gonçalves

imagem arquivo pessoal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Show Buttons
Hide Buttons